Regulamento do Teste de Sociabilidade e Carácter (TSC)

 

Esquema dos certificados e o processo da sua obtenção.

 

O teste de Sociabilidade e Carácter tem como objectivo avaliar as aptidões e qualidades naturais do cão de pastor belga e não o seu nível de treino, sendo um elemento fundamental da selecção de exemplares para reprodução. A sua execução visa sempre realçar as qualidades do exemplar.

 

Os Exemplares só poderão ser inscritos para efectuarem o teste se:

                        1 - Tiverem idade igual ou superior a 12 meses.

                        2 - Estiverem identificados por microchip ou tatuagem.

 

Os exercícios apresentados podem ser substituídos pelos juízes por outros semelhantes que visem atestar as mesmas reacções no cão.

 

Cada exemplar só poderá ser proposto ao teste duas vezes com o mínimo de seis meses entre elas.

 

 

Preparação:

No pré-ring será verificada a identificação do exemplar e solicitado ao condutor que coloque ao cão uma coleira e uma trela extensível fornecida pelo CPCPB. O condutor será informado que não poderá falar com o cão em nenhuma circunstância, excepto quando lhe for indicado, nem travar a trela extensível, devendo deixar o cão reagir com naturalidade e sem pressão ou ordens.

 

Teste de Sociabilidade:

 

1) Aproximação.

O comissário que acompanhará o condutor e o cão durante a realização do teste aproxima-se do conjunto e pede ao dono para efectuar um círculo largo com o cão. Isto permitirá aos juízes avaliar a forma natural de transporte da cauda do cão numa situação relaxada. Após o circulo o comissário cumprimenta o dono e pergunta ao condutor algumas informações sobre o cão (nome, idade, sexo...). Enquanto fala com o dono o comissário não olhará para o cão. Depois cumprimentará o cão.

 

2) Brincar com o cão.

Enquanto o dono segura na trela, o comissário convida o cão a brincar com um brinquedo. Ao dono é permitido encorajar o cão.

 

3) Mercado.

O condutor e o cão são dirigidos a um local específico, no mínimo quatro ajudantes e no máximo 6, passearão em círculo à volta do condutor e do cão enquanto falam com o condutor. Um dos ajudantes fará barulho com um saco de plástico com latas vazias. No fim do exercício os ajudantes devem cercar o dono e o cão aproximando-se deles, nenhum contacto visual deve ser feito com o cão.

 

4) O Fantasma.

Durante este teste uma bandeira grande será abanada para cima e para baixo.

Um ajudante estará escondido e abanará a bandeira três vezes para cima e para baixo quando a dupla se aproximar,  devendo deixar cair a bandeira para o dono e o cão poderem passar por cima da mesma.

 

5) A Boneca

A boneca é uma cruz de madeira vestida com um casaco e um chapéu. A boneca estará em cima de um estrado com rodas, este será puxado por uma corda na direcção do condutor e do cão, o condutor deverá aproximar-se da boneca para permitir ao cão descobrir o que é. O condutor e o cão vão-se embora e depois voltam atrás e aproximam-se da boneca uma vez mais.

 

6) Barulho

Á passagem do condutor e do cão por um determinado sítio soará um ruído.

 

7) Deixar o cão

O condutor deixa o cão preso a um poste e afasta-se para fora da vista do cão. Quando o cão estiver calmo, uma terceira pessoa aproxima-se do cão e chama o seu nome. Se o cão permitir o ajudante pode acariciar o cão, mas sem nunca o agarrar.

 

Se o cão passar neste teste obterá o Certificado de Teste Social (CTS), este poderá ter a qualificação de Suficiente, Bom e Excelente

Se o cão passar no teste de sociabilidade pode efectuar os outros dois testes

 

8) Teste de Tiro

Este teste é realizado em grupos de no máximo 5 cães. Os condutores com os cães devem ser alinhados uns ao lado dos outros. A uma distância mínima de 10 metros dois tiros são disparados por uma arma de fogo com 6 mm. Os condutores deveram permanecer estáticos e não podem ajudar os cães de forma alguma. Um terceiro tiro pode ser disparado em caso de dúvida.

Se o cão passar neste teste obterá o Certificado de Teste Social + (CTS +), este poderá ter a qualificação de Suficiente, Bom e Excelente de acordo com o resultado do Teste de Sociabilidade.

 

9) Teste de Defesa/Comportamento quando atacado (carácter)

 

A) O comissário vai ao encontro do condutor, este terá o cão preso à trela sem nenhum comando de obediência o comissário cumprimenta o condutor e este informa-o de como o figurante deve estar vestido, de fato completo ou só de manga, por defeito o figurante estará sempre vestido de fato completo, cumprimenta o cão e convida o condutor  a segui-lo até um ponto determinado. Ao chegar ao local o condutor entrega a trela ao comissário que deverá segurar na mesma e permanecer imóvel e sem falar. Ao condutor não é permitido dar nenhum comando verbal ou gestual ao cão.

B) O condutor afasta-se na direcção do 2º ponto determinado que dista aproximadamente 5 m do primeiro e permanece imóvel de costas para o cão.

C) Quando o condutor se encontra na posição correcta o juiz ordena ao figurante, que se encontra num abrigo a 3 metros do 2º ponto, que simule uma agressão ao condutor sem ameaçar o cão. Ao dono é permitido simular que está a ser atacado por meio vocal e gestual.

D) À ordem do juiz o comissário deverá largar a trela do cão.

 

 

AVALIAÇÃO

 

APTO A

O cão morde o figurante

O Cão defende o dono, ladrando ao figurante numa postura intimidadora e defensiva do dono

APTO B

O cão não morde, mas vai ter com o dono apercebendo-se que algo está mal não assumindo uma postura defensiva

O cão ladra mas não enfrenta o figurante

NÃO APTO

O cão demonstra indiferença ao ataque

O cão não vai ter com o dono

 

Certificados conferidos pelos Testes :

 

CSC A+ (Certificado Social e Carácter A+)

Exemplar que passe no teste de Sociabilidade e Carácter com a classificação APTO A e passe no teste do Tiro

CSC A (Certificado Social e Carácter A)

Exemplar que passe no teste de Sociabilidade e Carácter com a classificação APTO A, mas não passe no teste do Tiro

CSC B + (Certificado Social e Carácter B+)

Exemplar que passe no teste de Sociabilidade e Carácter com a classificação APTO B e passe no teste do Tiro

CSC B (Certificado Social e Carácter B)

Exemplar que passe no teste de Sociabilidade e Carácter com a classificação APTO B, mas não passe no teste do Tiro